CCXVI

23:08



Deposito uma rosa aos pés
da Deusa Do Jardim
e em silêncio peço
para que Ela enxugue
as lágrimas vertidas
por cada humano irmão
meu de lágrimas
nesta vigésima nona hora.
Deposito duas rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e em um segundo silêncio
peço para que Ela envolva
a todos os animais
pelas ruas abandonados,
a todos os animais
em casas aninhados
e a todos os animais
na Natureza dispersos
com suas Eternas Mãos
Formosas.
Deposito três rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e em um terceiro silêncio
peço para que Ela proteja
aos grandes rios,
aos grandes mares,
aos grandes lagos,
às grandes lagoas,
às grandes cachoeiras,
aos grandes oceanos,
pois Grandes São As Águas
Que Fazem Parte
Das Terrestres Correntezas.
Deposito quatro rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e em um quarto silêncio
peço para que Ela amamente
toda a Terra,
este planeta
tão castigado,
tão humilhado,
tão ferido,
tão rasgado,
tão espancado
pelas destrutivas humanas
diárias ações de ecoterrorismo
de todos os tipos.
Deposito cinco rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e em um quinto silêncio
peço para que Ela envie
ao Ser à minha direita
e ao Ser à minha esquerda
as Eternas Vozes Ecoantes
No Grande Jardim,
Mensagens para serem
neste jardim aqui plantadas,
Versos para serem
neste jardim aqui colhidos.
Deposito seis rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e peço para que Ela envie
aos Seres à direita
e à esquerda
de todos os seres humanos
as Eternas Mensagens
Da Jardineira Paz,
Da Jardineira Luz,
Da Jardineira Verdade,
Da Jardineira Felicidade,
Da Jardineira Harmonia,
Do Jardineiro Amor.
Deposito sete rosas aos pés
da Deusa Do Jardim
e peço para que Ela,
Eterna Perfeição
Da Cósmica Natureza
Na Unidade Onde
Todos Viemos
E Para Onde,
No Grande Dia
Do Amanhã,
Retornaremos,
volte sempre Seu Sorriso
para este mundo,
deixe sempre Seus Cabelos
envolverem este mundo,
expanda sempre Seus Pés
por todo este mundo,
pouse sempre Suas Mãos
por cada elemento
deste mundo
e Seja A Grande Mãe
Em Todos Os Mundos
Da Criação
Que Conhecem-Na Sob
Diversos Infindos Nomes
E Canções!
E agora me deito
e adormeço aos pés
da Grande Deusa
Que Ela É
No Grande Jardim
Do Coração Dela…

Inominavelmente,
INOMINÁVEL SER.




You Might Also Like

0 Passantes Pelo Jardim Aqui Repousaram

Jardins Que Visito

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Get Free Shots from Snap.com