CCII

18:00


Art by Freydoon Rassouli


Uma lágrima 
de mãe diante
de filhos perdidos;
uma lágrima
que perdida ficou
na ponte das tempestades
de auroras perdidas;
uma lágrima
que alagou as terras
onde brutais homens
ofereciam armas
a imberbes infantes;
uma lágrima
repetindo seu percurso
nos rostos de muitas
mães,
muitos pais
e muitos filhos;
uma lágrima
sonoramente ecoando
suas doces palavras
como altitude
dolorosamente
alcançada;
uma lágrima
bastando a si mesma
nos lampejos da alvorada,
agindo solene,
firme
e ágil
ao alcance do seu
Verdadeiro Destino:
A Cósmica Face.

Inominavelmente,
INOMINÁVEL SER.




You Might Also Like

0 Passantes Pelo Jardim Aqui Repousaram

Jardins Que Visito

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Get Free Shots from Snap.com