LXXXIV

20:01

Louvadamente

Revestido alvamente

De luzidios atos

De minha luzidia

Verdadeira rodovia,

Ilumino-me aqui

Para poder verter

O mais alegre pranto

De ideal prazer

Por Saber Viver Ser.

Mestre Agostinho,

Sagrado filósofo

Que conhece

O Inominável Desconhecido,

Ajudai-me a romper

Os meus piores laços

Com A Deusa Carne.

Eterno Mestre

Que penosamente venceu

O pesadelo verdadeiro

De estar encarnado,

Que O Infinito Fogo

Verdadeiro Daquele

Que nos aproximou

Eu toque também

Louvadamente.


Inominavelmente,

Inominável Ser.





You Might Also Like

0 Passantes Pelo Jardim Aqui Repousaram

Jardins Que Visito

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Get Free Shots from Snap.com