XXVI

20:48

Fora do meu destino

Todos os ilusórios

Holofotes da fama

Dos meios-dias

De construção viva

De nenhum caminho.

Ambiciono mirando-me

Na Face Tua,

Inominável Desconhecido,

As Rodas Da Eternidade

Casando-se perpetuamente

Com Os Círculos Do Infinito.

Quinze minutos

Ou uma vida fútil

De estúpida celebridade

É para os fracos

Que ignoram fortes

A sua Origem Una.

Parei de ignorá-Lo,

Pai que estou conhecendo

Em Inominável Intuitivo

Descobrimento Artístico.

Tu És O Artista Real,

O Momento que não finda,

A Fama que não degenera,

A Celebridade Maior.


Inominavelmente,

Inominável Ser.




>

You Might Also Like

0 Passantes Pelo Jardim Aqui Repousaram

Jardins Que Visito

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Get Free Shots from Snap.com